Prisma - Pós Harry Potter RPG
Conecte-se ao fórum com um nome de usuário e senha para ter acesso aos demais links e categorias.

Caso não possua um registro, clique em Registrar-se.

Não se esqueça de ler as regras e a trama do jogo.

Equipe Prisma.



 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

NOVO RPG DE HARRY POTTER - PORTUS RPG

ENTRE http://z10.invisionfree.com/portus/


Compartilhe | 
 

 Residência dos Himeki

Ir em baixo 
AutorMensagem
Hanna Himeki
Lufa-Lufa - 5º Ano
Lufa-Lufa - 5º Ano
avatar

Número de Mensagens : 318
-- x -- x -- : -- x -- x --
Agilidade : 4
Força : 2
Reflexo : 3
Mira : 3
Inteligência : 4
Punições - Flooders & Warning :
EXP do Personagem :
84 / 10084 / 100

Pontos : 3802
Data de inscrição : 03/02/2009

MensagemAssunto: Residência dos Himeki   Qua Jul 22, 2009 9:52 pm



Germinada com a casa dos vizinhos, a simplista e tradicional morada inglesa dos Himeki em um bairro trouxa de classe média (no número 19) é impecavelmente cuidada, com sua fachada branca e os arbustos perfeitamente aparados, em nada lembrando uma morada bruxa.

Isso se deve ao fato de que realmente os Himeki são trouxas. A magia não é algo que faça parte do dia a dia dos Himeki, ao menos não durante a maior parte do ano, quando a filha do casal, a única bruxa da família, Hanna está em Hogwarts.

Ao adentrar na casa, a primeira coisa que pode ser vista é um pequeno mas impecável hall de entrada, a escada que leva ao segundo andar (onde se localizam os quartos) e a entrada para a sala de estar. Mais à frente, um corredor leva à cozinha e ao banheiro de visitas no térreo.

Adentrando a sala de estar, onde vemos o sofá e duas confortáveis poltronas, voltadas para uma tv, além de uma lareira de uso muito mais decorativo que prático (a mesma não é ligada à rede de flu). As paredes possuem estantes cheias de livros dos mais variados assuntos, mas a maioria sendo sobre advocacia e medicina, embora livros de literatura também sejam presentes.

No chão, um tapete deixa o ambiente mais à vontade para quem queira sentar-se ao mesmo (o que muitas vezes é feito por Hanna).

Em ligação à sala de estar, está a pequena, mas bem arrumada e organizada, sala de jantar, com uma mesa para oito pessoas ovalada e suas oito cadeiras dispostas à volta, além de uma cristaleira onde estão guardadas as louças.

O segundo andar tem um segundo banheiro maior, dividido pelos moradores. Três portas, que levam para três quartos distintos, podem ser vistas ao longo do corredor. A primeira é o quarto de hóspedes. Sempre limpo e pronto para receber um visitante, possui uma cama com uma cômoda com um abajur ao lado e um armário.

O segundo quarto é o de Hanna. Ao entrar obviamente nota-se a diferença para com o resto da casa, toda em tons de branco, uma vez que as paredes do quarto são completamente cor-de-rosa. Os móveis são brancos e constituem de uma cama de solteiro, normalmente enfeitada com uma colcha rosa e branca e alguns bichinhos de pelúcia, além de uma escrivaninha também branca, onde alguns cadernos e diversos materiais escolares comuns estão arrumados sob a mesma, junto com uma lumiária. Um guarda-roupa branco com detalhes rosa ocupa uma das paredes, com seus detalhes todos do mesmíssimo tom das mesmas.

Uma mesinha com um computador branco se encontra ao lado da escrivaninha, e completando a paisagem, na janela (que dá para a frente da casa) estão delicadas cortinas de babados e renda rosa.

O quarto dos pais de Hanna é o que possui o armário maior, como era de se esperar e uma cama de casal, além de duas cômodas, uma de cada lado da cama. Uma penteadeira em um dos cantos exibe perfumes e acessórios arrumados sob a mesma, além de uma banqueta para alguém sentar-se para arrumar o cabelo ou maquiagem.

Toda a casa possui iluminação elétrica, como qualquer casa trouxa. Seria apenas mais uma casa comum com uma família comum ao ver de qualquer um, mas inegavelmente bem cuidada...

Tudo nesta casa foi conseguido pelos Himeki ao longo dos quinze anos em que batalharam para se firmar na cidade londrina e talvez por isso, poucas coisas na casa lembrem o país de origem da família (peças importadas tendem a ser caras e algo que os Himeki não tem é dinheiro de sobra).

Seja bem vindo visitante, pois entre os viventes dessa casa não existe preconceito de qualquer estirpe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hanna Himeki
Lufa-Lufa - 5º Ano
Lufa-Lufa - 5º Ano
avatar

Número de Mensagens : 318
-- x -- x -- : -- x -- x --
Agilidade : 4
Força : 2
Reflexo : 3
Mira : 3
Inteligência : 4
Punições - Flooders & Warning :
EXP do Personagem :
84 / 10084 / 100

Pontos : 3802
Data de inscrição : 03/02/2009

MensagemAssunto: Re: Residência dos Himeki   Qui Jul 23, 2009 1:43 pm

5 de novembro de 2029 - manhã
Último post: expresso
Próximo post: sei lá Oo

Spoiler:
 

Chapter 30
The first days


[ Flashback ]

A conversa de Hanna e Evan tinha fluído bem e entre conversas perguntas e respostas, o tempo passou voando sem que nenhum deles realmente percebesse isso. Essa era uma das coisas que Hanna adorava fazer: novas amizades. Era simplesmente ótimo poder conversar com uma pessoa a quem você nunca tinha tido a oportunidade antes e descobrir nesta alguém simpático, legal, com quem você pudesse se dar bem...

Porém, mais cedo do que ela esperaria o trem apitava anunciando o fim daquela viagem. Ainda assim seu humor continuou intacto, agora pela proximidade da oportunidade de ver os pais. Apesar de não ter ficado exatamente feliz em ter de passar um tempo longe de Hogwarts, uma das coisas que tinha melhorado e muito suas perspectivas foi se lembrar de que estaria novamente com seus pais.

Considerando isso, ao ouvir Evan se despedir ela respondeu sorridente antes de procurar com o olhar os rotos conhecidos:

- Eu também adorei te conhecer! A gente se vê sim – respondeu acenando antes do garoto ir procurar a família dele e ela fazer o mesmo com o olhar.

Não foi preciso muito para que ela fixasse sua expressão em um casal e sua expressão se iluminasse. Em uma cena digna de um reencontro muito esperado, Hanna correu para abraçar seus pais e as malas... Bom, estas ficaram no meio do caminho e ela pegava depois hn.

- Okaa-san!! Otõ-san!! – o importante agora era demonstrar todo o afeto que sentia no momento, Natsuni. Enquanto mãe e filha continuavam o abraço, Tetsu tinha ido até as malas no meio do caminho e as trazido para perto – é tão bom ver vocês.

- Hanna está tudo bem com você? Não se machucou nem se meteu em confusão? – perguntava a mãe aflita examinando a filha, procurando quaisquer indícios de machucados que a garota dos cabelos rosa pudesse ter, mas não havia nenhum.

Sim, ela tinha saído perfeitamente ilesa de muitas coisas naquele início de ano, com toda certeza bem mais inteira que Leo, por exemplo...

- Duvido. Você deve nem ter se lembrado de nós com tantos amigos em volta – disse o pai parecendo um pouco sério, mas falhando em seu intento um vez que sua voz tinha certo tom brincalhão.

- iie eu estava com saudades – reclamou Hanna agora grudando em um abraço tão meloso quando o que tinha dado na mãe, mas dessa vez com o pai. Ela realmente tinha sentido saudades dos pais, mas não podia mandar corujas por conta da proibição...

- Aa vou acreditar em você – disse o pai por fim sorrindo. – mas aposto que você não sabe qual a surpresa que temos para você em casa – Hanna olhou curiosa do pai para a mãe, tentando imaginar o que seria a surpresa, mas não conseguia pensar em nada.

- Ano... Nanda desu ka? – ela disse perdida olhando do pai para a mãe, a expressão confusa pedindo uma explicação.

- espere e você já vai ver, vamos para o carro – disse o pai sem comentar mais nada, o que só deixava Hanna ainda mais curiosa sobre a tal surpresa a que ele havia se referido...

[ Fim do Flashback ]

Depois de chegar à casa ao fim daquele dia, tinha ficado clara a surpresa quando no meio da sala, sentada na poltrona, Hanna encontrou a figura de sua avó sentada lhe esperando. Quanto tempo fazia que não a via? Muito mais do que ela gostaria, com certeza...

[ Flashback ]

Keiko Himeki, com seus 72 anos de idade, levantou do sofá para abraça a neta tão logo a mesma veio em sua direção. As duas sempre tiveram uma relação de avó e neta muito próximas, ainda mais que foi justamente Keiko quem ajudou a pequena a convencer os pais a deixarem-na estudar magia.

- Baa-chan... – disse Hanna em meio ao abraço – estava com saudades... – resmungou abraçada na avó enquanto as duas agora sentavam no sofá.

Nas horas que se passaram Hanna não largou da avó, conversando com a velha senhora e tagarelando sem parar sobre o que tinha acontecido em Hogwarts. Em partes da conversa, Natsuni e Tetsu participaram também fazendo comentários e perguntas, mas em outras apenas deixavam as duas, porque sinceramente, elas falavam muito mesmo.

[ Fim do Flashback ]

Os dias que se passaram em casa tinham sido nada menos que ótimos para a garota, uma vez que mesmo dentro de casa durante o tempo todo não podia se queixar com a presença da avó consigo. Ela tinha também ficado animada ao receber duas cartas distintas de pessoas diferentes e com propósitos diferentes, que prometiam animar seus dias.

A primeira era de Leo. O amigo tinha lhe mandado uma coruja avisando que ele e o pai passariam aquele tempo em Londres, o que significava que poderiam se ver a qualquer hora dessas.

A segunda vinha de alguém que ela não esperava: Evan. Ele estava a convidando para ir com ele na festa dos Ackart. Ackar... Quem? Ah sim aqueles em Hogwarts que fizeram o baile de máscaras... Lembra? Pois é né? Mas uma festa deveria ser divertida, então porque não ir? Vai que seus amigos têm a mesma idéia também...

E Evan era uma pessoa simpática, com quem ela adoraria conversar mais, então porque não? Ela correu até a escrivaninha, destacando uma página de um bloco de anotações cor de rosa para responder ao bilhete do corvinal. A coruja parecia estar esperando uma resposta, porque não saiu do lugar enquanto ela escrevia o bilhete.

- você pode levar de volta para o seu dono? – perguntou para a coruja, que lhe esticou a perna sem dar um pio. Hanna dedicou-se então a amarrar o bilhete na pata da coruja com delicadeza.

Uma vez que o bilhete foi escrito, dobrado e amarrado na pata da coruja, a mesma voou pela janela e Hanna foi começar seu dia do melhor jeito possível: indo tomar café com a família. Quando falou sobre a festa, os pais permitiram que ela fosse, desde que como sempre tomasse cuidado (pais protetores são assim mesmo).

Assim, os dias pareciam ter passado voando e aquela já era a manhã do dia cinco. Era um dia nublado, mas isso não tiraria o bom humor da lufana, que logo cedo tinha pulado da cama, tomado um banho e agora ia tomar seu café na cozinha com a avó, já que Natsuni e Tetsu já tinham saído para trabalhar (quem está de férias é ela e não os pais).

Aquele dia ainda prometia muito...

Off: é nem ta lá belíssimo mas que queria postar e postei uu/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hanna Himeki
Lufa-Lufa - 5º Ano
Lufa-Lufa - 5º Ano
avatar

Número de Mensagens : 318
-- x -- x -- : -- x -- x --
Agilidade : 4
Força : 2
Reflexo : 3
Mira : 3
Inteligência : 4
Punições - Flooders & Warning :
EXP do Personagem :
84 / 10084 / 100

Pontos : 3802
Data de inscrição : 03/02/2009

MensagemAssunto: Re: Residência dos Himeki   Qui Ago 06, 2009 10:33 pm

9 de novembro de 2029 - manhã
Último post: aqui
Próximo post: sei lá Oo


Chapter 31
Oh Happy day...


Hanna estava mais do que disposta ao acordar naquela manhã, por mais frio que o dia estivesse. Era perfeitamente compreensível, já que ela tinha recebido uma carta de Leo na noite anterior a convidando para um passeio (que ele também convidaria Kureno e os Matsuri que quisessem ir segundo uma nota).

Quer dizer... Só a oportunidade de estar com os amigos já era o máximo, mas a chance de que Hatori talvez fosse junto também iluminava seu dia com mais intensidade ainda.

Pulou da cama com seu pijama rosa de bolinhas e suas pantufas de coelhinho cor de rosa direto, notando que apesar de nublado o dia não parecia prometer chuva. Isso lhe deu uma idéia: poderiam ir ao parque, não?

Ela sorriu com o pensamento e logo ligava para o amigo. Leo tinha um telefone, que sempre usavam para se comunicar nas férias já que corujas costumavam demorar muito quando os dois moram em países distintos.

- Alô? – a voz de Leo já nem era sonolenta, o que deu certeza a Hanna de que ela não era a única a estar já acordada e ansiosa pelo passeio daquela tarde.

- Leo-kun? Sou eu, Hanna – ela disse fazendo uma pausa quando o garoto soltou uma exclamação de aprovação no outro lado da linha. – Ano... Eu estava pensando... Já sabe aonde vamos essa tarde?

- sinceramente? Não tenho certeza... Eu não conheço muito bem a cidade, achei que você e Kureno poderiam saber mais que eu sobre locais onde poderíamos ir – ela ouviu o amigo confessar do outro lado da linha. Sorriu antes de expor sua idéia animadamente.

- Ah é que eu acho que apesar de não ter muito sol está um dia legal para irmos ao parque... Sabe o Hyde Park? – ela esperou uma confirmação vir do amigo no outro lado da linha antes de continuar a falar - Esse mesmo!

- eu acho uma ótima idéia, parques são legais, Vamos nos encontrar aqui no Hotel, tudo bem? No ambiente comum do Prisma – ele lembrou.

- Hai! Eu estarei aí às três horas como combinado! – ela disse antes de se despedir e desligar o telefone. Logo em seguida ela já estava largando o telefone e indo tomar banho e se arrumar. Ficaria pronta desde cedo, afinal não pretendia fazer nada que viesse a estragar sua roupa ou nada do gênero.

Quando desceu para tomar o café (a roupa é essa do avatar que eu amo *-*), seus pais já tinham terminado e já se aprontavam para ir trabalhar e somente sua avó lhe fez companhia no café, em uma refeição tranqüila e com muitas falas sobre o que esperava do dia por parte de Hanna.

Eram 9 da manhã quando os pais de Hanna saíram para trabalhar e a menina ficou no jardim próxima ao portão, observando a paisagem trouxa. Ela sentia um pouco de falta daquele seu mundo quando estava em Hogwarts. Olhava os carros passando na rua, acenava para os vizinhos (que achavam que ela estudava em uma escola japonesa paga pelos avós) e voltava a sua observação da paisagem...

Off: nem ta nada de maravilhoso, mas é um post e estou com pressa x_x
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Residência dos Himeki   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Residência dos Himeki
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Prisma - Pós Harry Potter RPG :: London City-
Ir para: